sexta-feira, setembro 24, 2010

Gilmar Mendes votou contra. Alguém se surpreendeu?



Cinco ministros - Carlos Ayres Britto, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Joaquim Barbosa e Ellen Gracie - votaram pela aplicação imediata da lei.

Entre os que votaram contra a aplicação imediata da lei estavam Gilmar Mendes e Marco Aurélio Mello, ou seja, os protetores de sempre dos fichas-suja.

Um comentário:

BNÊ disse...

Quando a notícia passava na tv, estava 4x5 e eu disse à minha mulher que não se liga muito nesses assuntos, que com certeza o Gilmar mendes que livrou a cara do banqueiro Danta e aquele Mello que livrou a cara do Caciola - (não lembrava o nome dele na hora)- votarão contra. E não deu outra.