sexta-feira, setembro 15, 2006

Trapalhada

Nesta terça-feira passada, ao falar de guerra santa em uma universidade alemã, o Papa Bento XVI cometeu uma gafe que está causando uma polêmica sem tamanho.

Ele citou um imperador cristão ortodoxo do século XIV que afirmou que o profeta Maomé só havia trazido "coisas más e desumanas".

Agora os Muçulmanos querem que o papa peça desculpas à todas as nações islâmicas por ter insultado sua religião e seu profeta maior.

Esse Papa, além de pouco expressão, agora se mostra um trapalhão! Isso é coisa que se diga em publico, principalmente em se tratando de uma religião altamente conservadora e rigida como é a Islãmica?

Fonte: BBC

Um comentário:

Marco disse...

Pessoalmente, penso que a primeira citação foi mal escolhida; mas identificar aquela citação como sendo a opinião de Bento XVI, é fazer uma distorção grotesca do texto.

O Islão não sai beliscado com as palavras do Papa, mas a sua imagem no Ocidente é mais uma vez denegrida por reacções exacerbadas e violentas dos próprios muçulmanos.

As portas do diálogo inter-religioso estão-se a fechar...